Dúvidas e Dicas

Esta seção é composta de dúvidas de nossos alunos enviadas a nós através dos anos, desde 2003, o início do funcionamento do Grupo Mera, e nossas respostas.

O intuito dessa nova seção é ajudar outros estudantes de Um Curso em Milagres com dúvidas parecidas para que possam caminhar de forma cada vez mais suave, pacífica e confiante de volta para Casa.

Paz e Luz!


Grupo Mera

 

PARA LER A EXPLICAÇÃO, CLIQUE NA DÚVIDA.

 

FAQs - Dúvidas e Dicas

Grupo Mera: O Curso não pede para que não façamos nossas práticas espirituais que gostamos ou pensamos que necessitamos. Pelo contrário, ele explica que o Espírito Santo vai nos ajudar sempre no nível em que estamos (ou pensamos estar) do entendimento de Sua mensagem.

Enquanto você faz essas práticas, vai aprendendo a confiar mais e mais Nele e, então, Ele pode ir ensinando o caminho que vai realmente nos levar de volta para Casa em Deus. Isso deve significar que você irá deixando sua percepção de si mesma de ser um ser frágil e vulnerável, passando à lembrança de que é um Filho de Deus muito amado, completo e forte, que não está à mercê de perigos, na realidade.

Quanto à outra parte da sua pergunta, a “cura” dos nossos relacionamentos (familiares, românticos, de trabalho...) é mesmo o caminho, o meio que Um Curso em Milagres usa para essa volta para Casa. Sua prática com certeza visa a resolução deles.

Grupo Mera: O caminho com o Curso fica mais leve quando trocamos ideias e somos lembrados "por outro" do que já sabemos. É bastante útil conversarmos com outros estudantes, pelo menos de vez em quando.

Lembrando-nos de uma coisa básica: a paz da mente é realmente um estado do qual não queremos mais sair, quando alcançado, pelo menos em alguns momentos. Mas nós temos o direito de não ficarmos em paz enquanto dermos realidade a este mundo insano.

Eu penso que você está “se obrigando” a ficar em paz, aliás, isso acontece com a totalidade dos estudantes desse Curso em uma ou outra fase.

Experimente não lutar contra. Experimente pensar: “sim, estou com medo, com raiva, etc., e daí?” Tente pensar com gentileza e paciência a respeito de si mesmo, tratar-se gentilmente quando se perceber entrando no jogo do ego.

Ainda será difícil, mas será meio caminho andado perceber seus pensamentos de autocondenação. Você pode tentar fazer o seguinte exercício: pense em alguém de quem gosta muito e que esteja passado por uma situação igual à sua. Imagine que você está conversando com essa pessoa.  O que você diria a ela num momento aflitivo? Faça isso como um “exercício” mesmo: fique quieto e procure se lembrar de que o que você disser a ela, necessariamente será válido para você.

Grupo Mera: O Curso não é um movimento, uma religião, nem tampouco mais uma igreja. É estritamente um sistema de ensino através do qual indivíduos podem encontrar o seu caminho para Deus praticando seus princípios. No entanto, o Curso é bastante claro ao dizer que esse não é o único caminho para o Céu. No início do Manual de Professores (M-1.4:1-2), há uma passagem que diz que essa é apenas uma forma do curso universal entre muitas outras:

“Esse é um manual para um currículo especial, voltado para os professores de uma forma especial do curso universal. Existem milhares de outras formas, todas com o mesmo resultado.”

Em Um Curso em Milagres, aprendemos que a paz não tem nada a ver com o externo, o que significa que o mundo externo não nos ameaça, nem nos vitimiza, nem nos agrada – é isso que aprendemos com o Curso: somos nós que damos todo poder ao mundo, por isso podemos retomar esse nosso poder.

Todos temos problemas neste mundo. A grande maioria desses problemas acontece em nossos relacionamentos com as outras pessoas. Somos ensinados em UCEM a tomar consciência de que nossa percepção aprendida determina a forma como vivemos e também de que nossas mentes estão absurdamente confusas e em guerra com o volume imenso de pensamentos diários.

Um exame sincero de nossos dias agitados e com alguns conflitos pode ajudar a perceber que não andamos muito "em paz", e ainda, que muitas coisas parecem ter o poder de nos deixar irritados, tristes ou com medo... Com o treinamento persistente da mente proposto por UCEM, rapidamente entendemos que nada nem ninguém tem qualquer poder sobre nós.

O Curso nos guia e nos ensina, através de sua filosofia e metodologia próprias, que nós podemos fazer escolhas diferentes das que temos feito. E assim vamos realmente entendendo que o nosso universo exterior é o reflexo do interior.

Grupo Mera: Sempre tenha em mente que o Curso fala conosco em dois níveis. Em um, ele fala das coisas do mundo e como vamos caminhando com os milagres aqui. No outro, como no caso da parte que você pergunta, ele fala sobre a sua metafísica: o mundo é uma ilusão, portanto, não existe.

A palavra “ultrajante” se refere a qualquer coisa que uma pessoa insista que devamos fazer e nós nos recusamos (interesses opostos). Quando ela insiste, ela realmente pensa que a realização disso a “salva” de alguma maneira. Quando nós a contrariamos, é porque acreditamos que o contrário nos salva de alguma maneira. Jesus está dizendo que fazer ou não fazer, na realidade (Céu), não importa. Mas que podemos entender essa “dinâmica” entre o pedido de salvação dessa pessoa e a nossa tentativa de sermos salvos com a recusa em atendê-la – ambos os casos, ilusórios. O pedido de salvação de algum irmão é, na verdade, o nosso próprio pedido, mesmo quando as formas são aparentemente opostas. Pois nós já estamos salvos, então, a necessidade dessa lembrança é de nós dois – minha e do meu irmão.

Sendo assim, qualquer coisa que façamos atendendo a um pedido de alguém, não teria qualquer significado ou não deveria nos ferir, caso lembrássemos exatamente Quem somos.

No entanto, um pouco depois, no capítulo 16 (T-16.I.6:4-5), ele modifica, ou explica de outra maneira: "Eu disse que se um irmão te pede para fazeres alguma coisa tola, que a faças. Mas esteja certo de que isso não significa fazer alguma coisa que vá ferir a ele ou a ti, pois se ferisse um, feriria o outro".

A forma como fazemos as coisas por aqui realmente não importa para caminharmos para a Expiação. Mas se estamos agindo com amor (Espírito Santo) ou com medo (ego) isso faz toda diferença. Quando precisamos responder a um pedido e examinamos nossa mente em relação a "identificar" os pensamentos não benignos ou não amorosos sobre a situação/pessoa/resposta, a ajuda do Céu fará com que encontremos a forma mais adequada de responder - não machucando ninguém.

Grupo Mera: Um Curso em Milagres não pode ser "adaptado" aos conhecimentos que o mundo propõe porque ele justamente reverte toda nossa maneira de pensar. Isso realmente confunde muitas pessoas que são sinceras em seu propósito de estudar/aprender ou ensiná-lo.

Não é muito fácil explicar em poucas palavras a sua pergunta, mas vamos tentar. Deus ESTÁ no átomo, mas não "foi encontrado" lá. A física quântica, outras partes da ciência e muitas filosofias tentam achar essa explicação desde sempre. O Curso ensina que "Deus está em tudo o que eu vejo, pois Deus está em minha mente” (UCEM-LE-pI.30).

Em nosso curso de facilitação demoramos em torno de quatro horas em nossas aulas no módulo 1 para falar sobre isso. Nossa metodologia pra ensinar esse Curso tem muitos anos e, pela nossa experiência, é o passo a passo com a teoria e a prática dele que traz uma compreensão mais segura. No entanto, vamos tentar ser breves aqui.

O Curso se resume em dizer que a única realidade é Deus (ele diz Deus é e nada mais é). Diz que Ele tem um filho apenas - extensão de Sua Mente – que é Amor. Diz que Seu filho único, por causa de uma ideia insana e completamente impossível (a "diminuta e louca ideia") pensa que está separado Dele e de seu próprio Ser. Acreditar nessa pequena e ilusória ideia faz o filho "ver" um mundo de formas e "ver" a si mesmo como muitos - nós mesmos como corpos e nossos irmãos como outros corpos separados. Mas, se Deus é e nada mais é, então, tudo o que pensamos ver separado é uma ilusão, um sonho de separação.

O que importa para o Curso, mais do que entendermos sua metafísica, é nos ajudar a treinar nossas mentes para entendermos que a separação é impossível. E isso PRECISA ser passo a passo. Nossas mentes retornam à sensação de segurança e paz; e com certeza não estão assim enquanto pensamos que vivemos neste mundo. A sensação de se estar seguro no dia a dia é que pode nos fazer "entender" que Deus está em tudo, mas jamais em algum lugar específico porque Ele é Amor e o Amor sempre pode estar onde é chamado.

Ainda sobre Deus, o Curso é bastante claro em dizer que o máximo que conseguiremos falar ou pensar, é sobre Sua Natureza.

Grupo Mera: O papel do ego é esse mesmo: azucrinar! O seu é escapar dele... Sabemos que não é fácil.

Mas tentemos ir passo a passo. Primeiro lembre-se de não resistir ao falatório. Pense, fale, ou escreva “é isso mesmo, fiz uma burrice em tentar reencontrar essas pessoas estando tão cansada. Sim, eu mesma sabotei minhas férias. Sim, estava com saudade deles, mas estou cansada. Isso não tem nada a ver com não amá-los”.

Vá enumerando todos os recados. Mas não se esqueça de incluir o “sim, nesse estado não consigo ouvir o Jesus, MAS ele está aqui!”

Você está, a cada dia, mais atenta a distinguir a voz do ego, por isso ele se agita mais também.  Não se preocupe. Seja mais gentil consigo mesma, que as pessoas à sua volta serão “atingidas” por essa mesma gentileza.

Dê-se o direito de um descanso. Seu ego não conta, mas o auto-ódio fica presente quando não nos damos o direto de descansar. Uma grande maioria de nós aprendeu assim, mas agora pode aprender a fazer de modo diferente, sem raiva e sem culpa.

Se você não se esforçar, vai distinguir a Voz do Espírito Santo logo. Lembrando: Ele sempre sugerirá cuidar de si mesma, o que não será feito em detrimento de cuidar dos “outros”. Quando somos gentis conosco, somos gentis com as outras pessoas.